Think Tank Tuga

Sunday, March 27, 2005

Crónica de uma viagem, parte 2

8h15 - Despertar. Foi a primeira vez que comi choco pops em pó e aquecidos em micro-ondas. Coisas de países civilizados...
Hesito que gravata escolher, mas acabo por escolher uma vermelha com uns elefantezinhos.

10h00 - Duplo Café expresso junto a Tavistock Square. Preciso de manter-me vigil a todo o custo. Peço o código numérico que me dá acesso à casa de banho e lavo a cara com água gelada umas 10 vezes.

11h15 - BMJ editorial, Tavistock Square. A entrevista começa a horas. Para meu pavor são quatro pessoas a entrevistar-me!

13h00 - Reencontro a minha amiga e adversária para o emprego junto à Igreja de St. Pancras. O Pedro Gomes não tarda em juntar-se, e dirigimo-nos todos para almoçar no Pizza Express da Euston Road. Ao contrário do que possam pensar, não é uma cadeia de fast-food, mas sim um restaurante finório.

15h00 - Despeço-me da minha amiga enquanto lhe desejo sorte para a entrevista. Com passagens por Harvard, Organização Mundial de Saúde, e presentemente Rotary Scholar na Alemanha, temo que ela não vai dar qualquer hipótese (nota: na altura em que escrevo este texto ainda não foi divulgado qual foi a pessoa seleccionada). O meu currículo, se bem que com uma experiência técnica respeitável não tenhum nome sonante. O único que tem é BMJ, em Londres, e esse também consta da lista dela. Agora é que começo a sentir na pela a ameaça dos países de Leste. Eles são 1000 vezes mais determinados e como tal papam as oportunidades todas e tornam-se mais bem preparados. É uma pescadinha de rabo na boca num sentido positivo.

18h15 - Pago 1 libra para ir à Internet num computador público da sala de embarque do aeroporto de Stansted. Aquilo não funciona. Fico irado.

21h30 - Reecontro com a Fati junto às chegadas Norte do aeroporto do Porto. Rapidamente chegamos ao Arrábida Shopping para uma Francesinha. Já há uns anos que não comia uma, soube mesmo bem.

23h15 - Havana, Cais de Gaia - nem acredito que estou a dançar umas salsas com as salseiras do Porto, ainda por cima de fato! A Fati teve de me arrastar dali para fora, se não ia acabar por perder o autocarro!

00h15 - Estação dos Expressos, Rua Alexandre Herculano. Aquilo é mesmo soturno, para principal estação de camionagem do Porto, está pelas ruas da amargura...

5h00 - Casa, finalmente. Consulto os emails, como qualquer coisa, e lá me deito, para dormir as minhas preciosas 1h30 antes de rumar ao trabalho. Valeu a pena? Bem, para além de ter papado uma viagem de borla, deu-me para perceber que a minha mais que previsível "derrota" boicotou-me por enquanto a possibilidade de uma carreira internacional. A única coisa palpável que vislumbro agora no horizonte é uma carreirazinha no serviço nacional de saúde, que não me entusiasma assim muito...

1 Comments:

  • Better luck next time... :S

    Continua, e não desistas, amigo Tiago :)

    PS : O meu blog é +- anónimo, porque algumas vezes são citados casos clínicos, e isso é uma forma de proteger os próprios doentes... :P Por isso, por favor não te refiras a ele no teu blog pelo meu nome real, ok?
    Obrigado

    By Blogger IceTeaAddict, at 3:03 PM  

Post a Comment

<< Home